Arquidiocese

Horários

Catequese Digital

[+info]

Desejo subscrever a newsletter da Arquidiocese de Braga
DACS | 1 Fev 2016
Nova Ágora está de regresso a Braga
“Olhares sobre o Trabalho, Educação e Arte” realizam-se nas noites de 26 de Fevereiro, 04 e 11 de Março no Auditório Vita, em Braga. Inscrições podem ser efectuadas em www.novaagora.pt.
PARTILHAR IMPRIMIR
 

António Guterres, Marçal Grilo, Carvalho da Silva, Caldeira Cabral, Laborinho Lúcio e Rui Chafes entre os oradores confirmados. Luís Marques Mendes e Fátima Campos Ferreira vão moderar debates sobre “Trabalho” e “Educação”.

A Arquidiocese de Braga encontra-se a organizar a II Edição da Nova Ágora, este ano dedicada aos “Olhares sobre o Trabalho, Educação e Arte”.

A programação do evento foi hoje apresentada em Conferência de Imprensa pelas 11h00, no Auditório Vita, em Braga.

O Arcebispo Primaz, D. Jorge Ortiga, explicou que a Nova Ágora pretende ser “o lugar de encontro entre crentes e não crentes”, uma plataforma que todos coloca em “pé de igualdade, totalmente expostos, descobertos, sem preconceitos, simplesmente na presença uns dos outros, todos à procura do rosto da verdade”.

O prelado espera que, a partir desta edição, surjam ideias oriundas de todos os quadrantes ideológicos para acompanharem a Igreja Arquidiocesana “que se propõe olhar e amar a realidade, a ternura de todo o ser humano e a consciência última de que a realidade é positiva”.

D. Jorge Ortiga sublinhou ainda a necessidade de todos “descolarem da cadeira”, acompanhando o salto de gigante que foi dado pelo Concílio Vaticano II ao dizer que “a Igreja, ainda que rejeite inteiramente o ateísmo, proclama sinceramente que todos os homens, crentes e não-crentes, devem contribuir para a recta construção do mundo no qual vivem em comum”.

O Arcebispo Primaz reafirmou o desejo de uma sociedade mais centrada na esperança do que na indignação, sendo, para isso, necessário “recuperar a verdadeira saúde do homem” e dar alma à dignidade humana.

“Não pretendemos impor nada. Aos crentes ousamos deixar a interpelação de uma fé vivida através da participação e da corresponsabilidade activa no mundo do Trabalho, da Educação e da Arte. A quem procura um sentido para a vida, podemos dizer que não basta esperar. É preciso caminhar com os outros. Estamos, nesse sentido, disponíveis para lhes assegurar que a Igreja está inquieta e comprometida nas causas humanas. Nova Ágora é, assim, uma experiência de acolhimento de todos para que cada um ouse, com o seu empenho, dar o seu contributo para uma sociedade mais humana. Temos as portas da Arquidiocese abertas. Desejamos uma convergência que manifeste a possibilidade e a obrigatoriedade de um mundo melhor”, concluiu.

Recorde-se que a primeira edição do Ciclo de Conferências “Olhares Sobre...” compreendeu a realização de quatro conferências que incidiram sobre os temas “Economia, Cultura, Política e Família”. Quatro noites diferentes lotaram por completo o Auditório Vita, por onde passaram mais de 2000 pessoas para assistir aos debates em que participaram nomes como Miguel Cadilhe, ex-ministro das Finanças, o seleccionador nacional Fernando Santos, a actual candidata à liderança do CDS-PP, Assunção Cristas, o físico e vencedor do Prémio Pessoa 2014, Henrique Leitão, entre outras personalidades de relevo nacional.

 

O programa

A iniciativa arranca a 26 de Fevereiro (21h00), no Auditório Vita, em Braga, com Luís Marques Mendes a vestir a pele de moderador, numa conferência em que serão debatidas temáticas afectas ao “Trabalho”, com as participações do Ministro da Economia, Manuel Caldeira Cabral, do sindicalista Manuel Carvalho da Silva e de Gonçalo Lobo Xavier, vice-Presidente do Conselho Económico e Social Europeu (CESE).

Na semana seguinte, a 04 de Março, o Auditório Vita volta a ser palco de um debate de ideias e reflexões, desta vez sobre os acontecimentos que têm marcado a actualidade da “Educação”, com o ex-Primeiro-Ministro António Guterres e os ex-Ministros da Justiça e Educação, Laborinho Lúcio e Eduardo Marçal Grilo, respectivamente, a participarem como oradores. A moderação do debate ficará a cargo de Fátima Campos Ferreira.

A 11 de Março, no mesmo espaço, o escultor Rui Chafes, vencedor do Prémio Pessoa 2015, e os escritores Mário Cláudio e Pedro Sobrado encerram a II edição do Ciclo de Conferências “Olhares Sobre...”, com um debate sobre o estado da “Arte” em Portugal, moderado pela jornalista Maria João Costa, da Rádio Renascença.

As conferências constituem Acções de Curta Duração Acreditadas para  efeitos de progressão em carreira de Professores dos Ensinos Básico e Secundário. As inscrições podem ser efectuadas em www.novaagora.pt.

PARTILHAR IMPRIMIR
Palavras-Chave:
Nova Ágora  •  Diálogo  •  Crentes  •  Não-Crentes  •  Arquidiocese  •  Auditório Vita
Departamento para a Comunicação Social
Contactos
Director

P. Paulo Alexandre Terroso Silva

Morada

Rua de S. Domingos, 94 B
4710-435 Braga

TEL

253203180

FAX

253203190