Arquidiocese

Programa Pastoral 2019+2020
“Levantar-se e semear esperança”
[+info]

Desejo subscrever a newsletter da Arquidiocese de Braga
DM | 11 Jul 2019
S. Bento homenageia o cónego Fernando Monteiro
À homenagen de gratidão ao cónego Fernando Monteiro segue-se a inauguração de um busto em sua honra na descida da Cripta de S. Bento da Porta Aberta.
PARTILHAR IMPRIMIR
 

Realiza-se hoje, dia 11 de Julho, a segunda romaria do ano ao santuário de S. Bento da Porta Aberta, em Terras de Bouro, invocando S. Bento como Pai e Padroeiro da Europa. 

Este ano, a efeméride vai ser aproveitada para homenagear o cónego Fernando Monteiro que foi presidente da Irmandade de S. Bento da Porta Aberta de 2008 até ao seu falecimento, em Janeiro de 2019.

O programa inicia-se com a receção da Banda Musical da Carvalheira pela Irmandade no Santuário de S. Bento da Porta Aberta pelas 10h00, onde aquela tocará a marcha de rua designada “Homenagem a S. Bento da Porta Aberta”.

Segue-se  a homenagem de gratidão ao cónego Fernando Monteiro com a inauguração de um busto em honra do homenageado na descida da Cripta de S. Bento da Porta Aberta.

Após a homenagem, o Arcebispo de Braga, D. Jorge Ortiga, preside à Eucaristia na Cripta de S. Bento da Porta Aberta, a qual será solenizada pelo Coro da Santa Casa da Misericórdia de Vila Verde, havendo no final uma procissão em honra de S. Bento da Porta Aberta.

Entre as 14h30 e as 15h00 será descerrada uma lápide em honra do ex-presdiente da Irmandade, naquele que vai passar a chamar-se "Auditório cónego Fernando Monteiro”, onde decorrerá uma tertúlia com a intervenção musical do Coro do Sameiro que estreará um hino em honra do homenageado.

Para esta sessão, que será presidida pelo Arcebispo de Braga, D. Jorge Ortiga,  foram convidadas várias entidades com quem o cónego Fernando Monteiro trabalhou.

Durante o dia, até às 18h00, a Banda Musical da Carvalheira presenteará os romeiros com variadas exibições musicais no coreto Santuário de S. Bento da Porta Aberta.

O santuário de S. Bento da Porta Aberta, situado na freguesia de Rio Caldo , Terras de Bouro, é o segundo sítio religioso do país mais visitado,  só superado pelo santuário de Fátima. Teve a sua origem em 1615, com a construção de uma pequena ermida. O atual santuário é do final do século XIX. Iniciou-se a sua reconstrução em 1880 e concluiu-se em 1895.

PARTILHAR IMPRIMIR
Palavras-Chave:
Departamento para a Comunicação Social
Contactos
Director

P. Paulo Alexandre Terroso Silva

Morada

Rua de S. Domingos, 94 B
4710-435 Braga

TEL

253203180

FAX

253203190