Informações


Arquidiocese

Ano Pastoral 2021+2022

"Onde há amor, nascem gestos"

[+info]

Desejo subscrever a newsletter de Departamento Arquidiocesano para as Missões
Rui de Lemos | DM | Braga| 28 Mar 2022
Grupos de Infância Missionária querem chegar a mais crianças da Arquidiocese
PARTILHAR IMPRIMIR
  © Rui de Lemos | DM | Braga

Os responsáveis pelo Centro Missionário da Arquidiocese de Braga querem ver criados mais grupos de Infância Missionária nas paróquias. Nesta altura, o trabalho missionário com crianças tem apenas quatro grupos constituídos ao fim de um ciclo de trabalho de 5 anos.

«Os grupos de Infância Missionária na nossa Arquidiocese ainda são muito poucos. No ativo, temos quatro grupos, sendo que três são do Arciprestado de Póvoa de Varzim e Vila do Conde e o outro em Guimarães, que se encontra em reestruturação», concretizou, ao "DM", Emerenciana Silva, responsável pelo Infância Missionária no Centro Missionário da Arquidiocese de Braga (CMAB). A também responsável pelo grupo de Animadores da Infância Missionária da Paróquia de Balasar, na Póvoa de Varzim, considera o atual número de grupos «manifestamente pequeno e reduzido», pelo que aponta a necessidade de criação de novos grupos a partir das solicitações das várias paróquias.

«Criar laços com as crianças nesta missão de sensibilizar para ajudar e evangelizar outras crianças torna-se uma tarefa extremamente importante. Neste momento, o objetivo do CMAB é mesmo dar a conhecer a obra missionária pontifícia para a criação de novos grupos», apontou Emerenciana Silva, ontem, à margem do Encontro Arquidiocesano da Infância Missionária, que juntou crianças, animadores e famílias, no Centro Pastoral da Arquidiocese de Braga, na Rua de S. Domingos.

Aquela responsável pela Infância Missionário no Centro Missionário da Arquidiocese de Braga acrescentou que a equipa da estrutura «está sempre aberta e disponível para ir ao encontro de todas as solicitações de todas as comunidades paroquiais, sempre que solicitados para esse efeito, dando a conhecer, através de exempos muito práticos, o que é a Infância Missionária, os seus objetivos e o que pretendemos com este trabalho».

A Infância Missionária procura coisas muito simples e passa por reunir grupos de crianças, com idades compreendidas entre os 4 e os 12 anos, uma vez por mês, com o objetivo de que possam evangelizar outras crianças. Os grupos criam alguns objetos artísticos com o objetivo de angariarem contributos monetários com os quais possam ajudar causas locais, nacionais ou internacionais. «E pedimos a cada criança que reze apenas uma Avé Maria por dia por todas as outras crianças do Mundo, sendo que hoje as crianças ucranianas, que tanto sofrem estão também no centro de uma das nossas atividades neste Encontro Arquidiocesano», resumiu Emerenciana Silva.

Todos os grupos de Infância Missionária da Arquidiocese de Braga pedem também às crianças que os integram que saibam reger-se sempre por um lema: «sempre amigos de todas as crianças do Mundo». O trabalho realizado pelos animadores/as faz-se no sentido de incutir às crianças e adolescentes o espírito missionário, despertando sempre a atenção, preocupação e a solidariedade para com outro.

Ontem, o Encontro Arquidiocesano de Braga marcou também o final de um ciclo de 5 anos, em que a Infância Missionária em Portugal propôs a abordagem de 5 verbos, cada um correspondente a um continente e a um dedo da mão: Agradecer, Interceder, Partilhar, Perdoar e Louvar. O resto é semear a prática e testemunho cristão na vida de todos os dias.

Artigo publicado no Jornal Diário do Minho de 28 de março de 2022.

PARTILHAR IMPRIMIR
Documentos para Download
Palavras-Chave:
Infância Missionária  •  OMP  •  CMAB
Departamento Arquidiocesano para as Missões
Contactos
Morada

Rua de São Domingos, 94b
4710-435 Braga

Coordenador

Sara Poças

Quer dar uma ideia à Arquidiocese de Braga com o objectivo de melhorar a sua comunidade?

Clique Aqui

Quer dar uma sugestão, reportar um erro ou contribuir para a melhoria deste site?

Clique Aqui