Arquidiocese

Ano Pastoral 2021+2022

"Onde há amor, nascem gestos"

[+info]

Desejo subscrever a newsletter de Revista de Imprensa Internacional
DACS com Vida Nueva Digital | 4 Out 2022
As três semelhanças entre o Papa e São Francisco de Assis
O "Vida Nueva" partilha hoje, 4 de Outubro – dia de São Francisco – algumas coincidências entre o “poverello” e Jorge Mario Bergoglio.
PARTILHAR IMPRIMIR
  © DR

A cada 4 de Outubro há uma grande festa nas casas dos diferentes ramos franciscanos. Muitas associações relacionadas com animais ou ecologia também celebram algum evento especial neste dia. O dia 4 de Outubro é a festa de São Francisco de Assis, o “poverello” do século XII que, da pobreza e da austeridade, renovou a Igreja e a Vida Religiosa de flor em flor.

A sua marca continua até hoje e quando Jorge Mario Bergoglio teve que escolher um novo nome, parece que levou pouco tempo para pensar precisamente neste São Francisco, não no jesuíta Francisco Xavier ou no bispo Francisco de Sales. O Vida Nueva analisa neste dia o que vai do fundador dos franciscanos ao Papa das periferias.

 

1. “Uma Igreja pobre para os pobres”

Francisco de Assis, antes de ser o frade mendicante no hábito gasto, foi Giovanni di Pietro Bernardone, filho de um rico comerciante da Úmbria. Pobreza e estrito cumprimento dos Evangelhos como única regra era a sua máxima.

Este desejo está no coração de Francisco como Papa desde o conclave. Ele mesmo comentou como o cardeal Claudio Hummes lhe disse, quando o voto era evidente: “Não se esqueça dos pobres”. “E esta palavra entrou aqui: os pobres, os pobres. Imediatamente, em relação aos pobres, pensei em Francisco de Assis”, relatou.

 

2. O desejo de paz

Há outra razão para escolher o nome de Francisco, o santo que compôs a oração “Faz de mim um instrumento de paz”. “Francisco é o homem da paz. E assim, o nome entrou no meu coração: Francisco de Assis”, destacou no primeiro encontro com os jornalistas.

As mensagens de Natal e Páscoa, bem como as intervenções perante os líderes mundiais que vão ao Palácio Apostólico, mostram o compromisso concreto de Francisco com a paz. Como o santo de Assis estava diante dos líderes eclesiais e sociais do seu tempo, o Papa colocou no mapa conflitos que estavam destinados ao esquecimento.

 

3. Pela Casa Comum

São Francisco é também o santo da “Irmã Terra”. “Para mim, ele é o homem da pobreza, o homem da paz, o homem que ama e cuida da criação. Neste momento, também temos uma relação não muito boa com a criação”, disse ao explicar o nome.

Isto foi demonstrado com a primeira encíclica ecológica Laudato si'. Este documento e as acções papais a esse respeito foram um impulso à preocupação ecológica perante os mais cépticos, sejam eles políticos, líderes religiosos ou cidadãos comuns.

Artigo de Mateo González Alonso, publicado em Vida Nueva Digital a 4 de Outubro de 2022.

PARTILHAR IMPRIMIR
Palavras-Chave:
Revista de Imprensa Internacional
Contactos
Morada

Rua de S. Domingos, 94 B 4710-435 Braga

TEL

253203180

FAX

253203190

Quer dar uma ideia à Arquidiocese de Braga com o objectivo de melhorar a sua comunidade?

Clique Aqui

Quer dar uma sugestão, reportar um erro ou contribuir para a melhoria deste site?

Clique Aqui