Arquidiocese

Ano Pastoral 2021+2022

"Onde há amor, nascem gestos"

[+info]

Desejo subscrever a newsletter de Revista de Imprensa Internacional
DACS com Vida Nueva Digital | 19 Set 2022
“O nosso dicastério não é uma fábrica de santos”, diz o Cardeal Semeraro
Cardeal italiano apresenta um congresso a ser realizado em Outubro em Roma sob o tema “Santidade hoje” e que se irá concentrar na fama da santidade e no sentido do heroísmo cristão.
PARTILHAR IMPRIMIR
  © DR

Cerca de 200 pessoas irão participar no congresso que, sob o título “Santidade hoje”, será realizado de 3 a 6 de Outubro no Instituto Patrístico Agostinianum de Roma, organizado pelo Dicastério para as Causas dos Santos.

“É um encontro que surge da necessidade de colocar em diálogo o mundo actual e as questões que são tratadas diariamente no nosso trabalho”, disse o cardeal Marcello Semeraro, prefeito do mencionado “ministério” vaticano.

“O nosso dicastério não é uma fábrica de santos. A sua tarefa não é administrar a santidade, mas reconhecê-la através de fases específicas de discernimento. Começa nas Igrejas diocesanas e a fase romana só se alcança quando boa parte do caminho já foi feito na Igreja diocesana”, explicou Semeraro.

 

“O Super-Homem é um santo?”

A convenção foca-se em dois aspectos “essenciais” das causas de beatificação e canonização: a fama de santidade e o sentido de heroísmo cristão.

Sobre a primeira pergunta, o cardeal italiano lembrou que durante anos foi “o ponto de partida” dos processos, mas tem perdido destaque e agora até é relegado “para um apêndice” na documentação.

“Escrevemos a todos os bispos insistindo na questão da fama de santidade”, disse, sublinhando que o que a “santidade canonizada” pretende é precisamente propor “intercessores à Igreja e modelos de inspiração”.

Os santos são, em última análise, “figuras exemplares, que vão além da vida comum para lembrarem os baptizados pata viverem a sua vida quotidiana santamente”.

Vinculado a este aspecto está o segundo bloco ao qual a convenção é dedicada: a reflexão sobre o significado do heroísmo cristão.

“O que é heroísmo hoje? O Super-Homem é um santo?”, perguntou Semeraro retoricamente, respondendo depois que a chave é “viver plenamente a dimensão humana”.

 

O exemplo de Carlo Acutis

O arcebispo Fabio Fabene, secretário do Dicastério para as Causas dos Santos, também participou na apresentação do congresso, revelando que a convenção irá terminar com uma audiência com o Papa Francisco.

“A santidade é um apelo sempre urgente e uma proposta decisiva para o homem de qualquer idade”, disse o “número dois” do “ministério” do Vaticano encarregado da santidade.

O seminário terá em conta ao analisar como se produz hoje a fama de santidade “o potencial informativo dos novos instrumentos, cada vez mais disponíveis e populares”.

Se por um lado existe o perigo de que a fama possa ser criada “artificialmente”, destacou Fabene, pelo que é sempre necessário “cuidadoso discernimento”, por outro lado, as redes sociais da Internet podem “contribuir para difundir ideias, modelos e ideais de vida”. O caso do Beato Carlo Acutis é um exemplo claro disso.

Artigo de Darío Menor, publicado em Vida Nueva Digital a 19 de Setembro de 2022.

PARTILHAR IMPRIMIR
Palavras-Chave:
Revista de Imprensa Internacional
Contactos
Morada

Rua de S. Domingos, 94 B 4710-435 Braga

TEL

253203180

FAX

253203190

Quer dar uma ideia à Arquidiocese de Braga com o objectivo de melhorar a sua comunidade?

Clique Aqui

Quer dar uma sugestão, reportar um erro ou contribuir para a melhoria deste site?

Clique Aqui