Arquidiocese

Ano Pastoral 2021+2022

"Onde há amor, nascem gestos"

[+info]

Desejo subscrever a newsletter de Revista de Imprensa Internacional
DACS com Vida Nueva Digital | 19 Set 2022
Igreja dos Estados Unidos convoca semana de reflexão sobre migrantes e refugiados
De acordo com o Comité de Migração da Conferência dos Bispos Católicos dos Estados Unidos, existem 100 milhões de pessoas deslocadas à força em todo o mundo.
PARTILHAR IMPRIMIR
  © UNHCR/Roger Arnold

De 19 a 25 de Setembro, os católicos dos Estados Unidos irão realizar nas suas dioceses uma semana de reflexão sobre as circunstâncias enfrentadas por migrantes, refugiados e vítimas de tráfico em todo o mundo.

O fim desta semana coincide com o Dia Mundial do Migrante e do Refugiado instituído em 1914. Este ano será no último Domingo de Setembro e tem como lema “Construir o futuro com migrantes e refugiados”.

A Semana Nacional de Migração é realizada nos Estados Unidos desde 1980, ano em que foi promulgada a histórica Lei dos Refugiados; este ano tem o mesmo lema do Dia Mundial do Migrante e do Refugiado.

A Conferência dos Bispos Católicos dos Estados Unidos (USCCB) citou o Papa Francisco, dizendo que ninguém deve ser excluído da obra de construção que leva ao Reino de Deus.

“O projecto de Deus é essencialmente inclusivo e dá prioridade aos que vivem nas periferias existenciais. Entre eles estão muitos migrantes e refugiados, pessoas deslocadas e vítimas de tráfico”, disse o Santo Padre.

 

Renovar o sentido de viver

Por sua vez, o bispo auxiliar de Washington e presidente do Comité de Migração da USCCB, Mario E. Dorsonville, lembrou que pela primeira vez na história há 100 milhões de pessoas deslocadas à força no mundo.

“Nunca houve um momento tão crítico para reflectir sobre a questão da migração… Esta semana oferece uma oportunidade especial de encontro, acompanhamento e oração, bem como uma oportunidade para os católicos e outras pessoas de boa vontade se unirem em apoio aos que dependem da nossa voz colectiva”, disse Dorsonville.

Considerou que tanto os “sonhadores” quanto os ucranianos que fogem do conflito na sua terra natal, bem como aqueles que têm protecções temporárias que lhes permitiram morar nos Estados Unidos e os trabalhadores agrícolas sem documentos têm um papel importante a desempenhar na construção do futuro do país, “assim como têm um papel na construção do Reino”.

“Que esta semana nos ajude a experimentar um sentido renovado do que significa viver como irmãos e irmãs, viajando juntos na mesma jornada”, acrescentou o bispo Dorsonville.

Artigo de Miroslava López, publicado em Vida Nueva Digital a 19 de Setembro de 2022.

PARTILHAR IMPRIMIR
Palavras-Chave:
EUA  •  Migrantes  •  Refugiados  •  Tráfico  •  Papa Francisco
Revista de Imprensa Internacional
Contactos
Morada

Rua de S. Domingos, 94 B 4710-435 Braga

TEL

253203180

FAX

253203190

Quer dar uma ideia à Arquidiocese de Braga com o objectivo de melhorar a sua comunidade?

Clique Aqui

Quer dar uma sugestão, reportar um erro ou contribuir para a melhoria deste site?

Clique Aqui