Arquidiocese

Ano Pastoral 2021+2022

"Onde há amor, nascem gestos"

[+info]

Desejo subscrever a newsletter de Revista de Imprensa Internacional
DACS com The Tablet | 8 Set 2022
Custos do aquecimento trazem novas restrições à Missa na Holanda
“As finanças – incluindo os custos de aquecimento – obviamente nunca devem ser um item principal em questões pastorais, mas também não podem ser deixadas de lado”, afirmou D. René Maessen.
PARTILHAR IMPRIMIR
  © Uliana Shevchenko / Alamy

As contas crescentes do aquecimento juntaram-se a uma crescente escassez de padres e levaram uma diocese no Sul da Holanda a terminar a regular missa de Domingo em algumas paróquias menores e a exortar os fiéis a reagruparem-se em congregações partilhadas maiores.

O vigário geral, D. René Maessen, afirmou que o número cada vez menor de padres foi a principal razão pela qual a diocese de Roermond decidiu que não pode haver eucaristia todos os fins-de-semana em todas as suas 287 paróquias.

Algumas igrejas também têm congregações tão pequenas e tão poucos ajudantes voluntários que a celebração da missa é cada vez mais difícil.

“As finanças – incluindo os custos de aquecimento – obviamente nunca devem ser um item principal em questões pastorais, mas também não podem ser deixadas de lado”, acrescentou.

“Se temos apenas uma mão cheia de pessoas, cada uma a doar um euro, isto não é suficiente para cobrir a conta do aquecimento”, disse o porta-voz diocesano Matheu Bemelmans à Reuters.

“Se houver igrejas com poucos visitantes, dizemos: sejam práticos, saltem uma semana e garantam que essas pessoas podem participar na missa noutra igreja”.

Os preços da energia dispararam em toda a Europa por causa da guerra na Ucrânia e dos cortes nas entregas de gás natural russo, chegando a quase 100% na Holanda no mês passado.

A Holanda, que possui o maior campo de gás natural da Europa na província de Groningen, é fortemente dependente do gás para o aquecimento.

Mas uma série de terremotos no norte convenceu o governo Holandês em 2019 a eliminar gradualmente a extracção. Alguns Holandeses agora questionam esta decisão, mas ainda está planeado um ponto final daqui a uns anos.

A diocese de Roermond disse que a missa ainda seria celebrada todos os Domingos em alguma igreja próxima, onde um padre possa ser garantido e as congregações sejam maiores.

“Para o padre, assim como para os paroquianos – ou, por exemplo, para o coro – é muito mais motivador juntar-se a um grupo maior de crentes noutra igreja”, argumentou D. Maessen.

Artigo de Tom Heneghan, publicado no The Tablet a 8 de Setembro de 2022.

PARTILHAR IMPRIMIR
Palavras-Chave:
Holanda  •  Missa  •  Eucaristia  •  Gás Natural  •  Ucrânia  •  Rússia
Revista de Imprensa Internacional
Contactos
Morada

Rua de S. Domingos, 94 B 4710-435 Braga

TEL

253203180

FAX

253203190

Quer dar uma ideia à Arquidiocese de Braga com o objectivo de melhorar a sua comunidade?

Clique Aqui

Quer dar uma sugestão, reportar um erro ou contribuir para a melhoria deste site?

Clique Aqui