Arquidiocese

Ano Pastoral 2021+2022

"Onde há amor, nascem gestos"

[+info]

Desejo subscrever a newsletter de Revista de Imprensa Internacional
DACS com Vatican News | 15 Jul 2022
Arcebispo destaca menores sequestrados e abusados ​​no Paquistão
O arcebispo Sebastian Shaw, de Lahore, no Paquistão, está a pedir à comunidade internacional que faça mais para combater o sequestro, a conversão forçada e a agressão sexual de jovens cristãos e de outras minorias religiosas no Paquistão.
PARTILHAR IMPRIMIR
  © doidam10 - stock.adobe.com

Todos os anos, mil mulheres e meninas cristãs e hindus com idades entre os 12 e os 25 anos são sequestradas no Paquistão, de acordo com o Movimento para a Solidariedade e Paz, sediado no país.

Estes números gritantes levaram o arcebispo Sebastian Shaw, de Lahore, a pedir à comunidade internacional que faça mais para lidar com o sequestro, agressão sexual e conversão forçada de jovens de minorias cristãs e de outras religiões no país.

 

Jovens vulneráveis

Falando durante um evento em Portugal no Santuário de Cristo Rei, na Diocese de Setúbal, o Arcebispo descreveu os perigos que as jovens enfrentam.

“Estas crianças não são livres nem para brincarem no jardim. Temos o dever de falar sobre o que está a acontecer, para prevenir esses casos”.

Também destacou o sofrimento que os pais enfrentam quando a sua criança é raptada.

“Imaginem a situação desses pais, que preparam as mochilas dos filhos, mandam-nos para a escola e nunca mais os vêem porque foram sequestrados. Às vezes, os corpos são encontrados, e eles podem realizar os funerais e fazer o luto. Mas, noutros casos, tudo o que os pais podem fazer é chorar pelo desaparecimento dos seus filhos”.

Durante o evento organizado pelo gabinete português da caridade católica Ajuda à Igreja que Sofre (AIS), o arcebispo Shaw observou que o assunto não afecta apenas as raparigas.

“Às vezes, os rapazes também são sequestrados, abusados ​​sexualmente e muitas vezes mortos”, disse.

 

Ajuda internacional

O arcebispo Shaw sublinhou que o governo do Paquistão está a tentar abordar o sequestro, violação, casamento forçado e conversão forçada de pessoas de grupos religiosos minoritários – mas acrescentou que o apoio da comunidade internacional pode ajudar a resolver o problema.

Afirmou também que a Arquidiocese de Lahore está a trabalhar nestas questões através de um grupo inter-religioso.

Sublinhando a necessidade de aumentar a consciencialização sobre estes casos, o arcebispo disse que eventos públicos como este, organizados pela Ajuda à Igreja que Sofre, “são uma parte importante do esforço para diminuir o número de casos”.

Em 2021, o gabinete da AIS no Reino Unido produziu o relatório Hear Her Cries, que analisava o sequestro, a conversão forçada e a agressão sexual de mulheres e meninas cristãs, examinando os problemas que as comunidades cristãs enfrentam no Egipto, Iraque, Moçambique, Nigéria e Síria, bem como no Paquistão.

Artigo de Vatican News, publicado a 14 de Julho de 2022.

PARTILHAR IMPRIMIR
Palavras-Chave:
Paquistão  •  Mulheres  •  Jovens  •  Crianças  •  Vítimas  •  Sequestros  •  Abusos Sexuais  •  Conversão
Revista de Imprensa Internacional
Contactos
Morada

Rua de S. Domingos, 94 B 4710-435 Braga

TEL

253203180

FAX

253203190

Quer dar uma ideia à Arquidiocese de Braga com o objectivo de melhorar a sua comunidade?

Clique Aqui

Quer dar uma sugestão, reportar um erro ou contribuir para a melhoria deste site?

Clique Aqui