Arquidiocese

Ano Pastoral 2021+2022

"Onde há amor, nascem gestos"

[+info]

Desejo subscrever a newsletter de Revista de Imprensa Internacional
DACS com Vida Nueva Digital | 30 Mai 2022
Papa no "Regina Coeli": “O verdadeiro amor não é possessivo”
Além de convocar um novo consistório cardeal, Francisco sublinhou que “Jesus não quer restringir” a nossa liberdade.
PARTILHAR IMPRIMIR
 

“O amor de Jesus não quer restringir a nossa liberdade. Pelo contrário, abre espaço para nós, porque o amor verdadeiro gera sempre uma proximidade que não esmaga, não é possessiva, é próxima, mas não possessiva”.

Foi o que foi expresso esta manhã (29 de Maio) pelo Papa no âmbito do Regina Coeli, durante o qual anunciou a convocação de um novo consistório no final de Agosto, no qual criará 21 novos cardeais.

Tomando como ponto de partida a festa da Ascensão do Senhor, o pontífice sublinhou que “Jesus não abandona os discípulos”.

“Ele sobe para o céu, mas não nos deixa em paz. Pelo contrário, precisamente ascendendo ao Pai, garante a efusão do seu Espírito”, explicou Francisco.

“Ao fazer o seu «êxodo» para o céu, Cristo «abre-nos o caminho», vai preparar-nos um lugar e, a partir de agora, intercede por nós, para que estejamos sempre acompanhados e abençoados pelo Pai”, observou.

 

Abrir espaço para o outro

A partir daí, lançou um exame de consciência para quem o escutava na Praça de São Pedro: “Perguntemo-nos se realmente o somos; e se também somos capazes de amar os outros, deixando-os livres e dando-lhes espaço”.

“Sabemos ser intercessores pelos outros, ou seja, sabemos orar por eles e abençoar as suas vidas? Ou servimos aos outros pelos nossos próprios interesses?”, acrescentou à sua reflexão.

No seu discurso, também teve em mente Luigi Lenzini, mártir assassinado em 1945 e beatificado ontem. Lembrou também que hoje (29 de Maio) é o Dia Mundial das Comunicações Sociais, o que o levou a apresentar a escuta como “o primeiro ingrediente indispensável para o diálogo”. Por fim, deteve-se no Dia Nacional do Socorro na Itália para declarar que “o doente é sempre mais importante que a doença”.

Artigo de José Beltrán, publicado em Vida Nueva Digital a 29 de Maio de 2022.

PARTILHAR IMPRIMIR
Palavras-Chave:
Regina Coeli  •  Oração  •  Reflexão  •  Amor  •  Jesus  •  Liberdade  •  Papa Francisco
Revista de Imprensa Internacional
Contactos
Morada

Rua de S. Domingos, 94 B 4710-435 Braga

TEL

253203180

FAX

253203190

Quer dar uma ideia à Arquidiocese de Braga com o objectivo de melhorar a sua comunidade?

Clique Aqui

Quer dar uma sugestão, reportar um erro ou contribuir para a melhoria deste site?

Clique Aqui