Horário do Cartório

Segunda das 10h às 12h;

Sexta das 16h às 17.45h.
 

Boletim Paroquial
Boletim 369 - II Domingo da Quaresma - Ano A - 08-03-2020
Crónica para o V Domingo de Páscoa - Ano C - 15 de Maio de 2022

 

 

V Domingo de Páscoa

Ano C

«Caridade…»

O Amor por si só basta.
Quando amas, o teu olhar fixa-se no teu amor e tudo o que o rodeia é fusco.
Não há amor sem dor… porque só te sentes pleno quando estás perto dele;
quando escutas as Suas palavras… quando tocas… quando sentes…

É árduo amar só por amar.
Esse é o jeito do Cristo: A caridade total… uma entrega infinita ao serviço da humanidade inteira.
O dar-se sem receber e ser feliz assim.
Edificar pontes de Paz para que todos se sintam irmãos.
Entrar em casas sem portas e abrir portas sem fechaduras…
Atravessar oceanos para que cada ser humano encontre o Amor, no Pedacinho dO Pão Eucarístico.
Levar as mãos cheias e voltar com elas vazias…
e o Mestre sabe que no nosso coração existe uma só meta: Onde há Amor, nascem Gestos!

Hoje, a liturgia do 5º Domingo da Páscoa, do Ano C, inunda-nos com o Amor de Deus.
Jesus sentado à mesa com os Seus Discípulos, com aqueles que mais amou e mais O amaram,
renova todas as coisas: «Como Eu vos amei, amai-vos também uns aos outros.»

É neste Amar sem medida que temos que amar o outro, seja o outro quem for!
O meu próximo é Filho de Deus… é meu irmão!
Então… o meu Amor deve ultrapassar barreiras mesquinhas como a cor da pele,
a língua com que se expressa, o país em que mora, a religião que pratica, as tradições que o fazem feliz, as tatuagens e os piercings que ostenta.

Não são as roupas que cobrem o corpo que me fazem amar alguém.
Será sempre o seu sorriso, o seu sobrolho, o brilho do seu olhar, as suas lágrimas, as suas palavras que me cobrem de alento, os seus silêncios que me inquietam…

O Amor é um tudo e um todo que não tem início nem fim.
Tem um nome: Deus! Tem um Rosto: Jesus! Tem uma forma: Espírito Santo! Tem um lugar: humanidade!

Que o Senhor do Amor faça de mim e de ti a Sua mais bela morada!

Senhor do Amor, vem habitar em nós com a Tua Caridade plena!

Para esta semana: Ama como Jesus ama!
Toma parte na caridade que brota do Senhor!

 

Arquidiocese

Ano Pastoral 2021+2022

"Onde há amor, nascem gestos"

[+info]

Desejo subscrever a newsletter da Paróquia Nossa Senhora da Lapa
Liliana Dinis | Póvoa de Varzim| 15 Jan 2022
Crónica para o II Domingo do Tempo Comum - Ano C - 16 de Janeiro 2022
Onde há Amor, nascem gestos!
PARTILHAR IMPRIMIR
 

 

II Domingo do Tempo Comum

Ano C

«Abre os olhos…»

 

Como abrimos os olhos?
É um ritual tão intrínseco que não pensamos nem refletimos sobre este gesto.

Um olhar de ternura dá-nos esperança.
Um olhar de soslaio é sinónimo de reprovação.
Um piscar de olhos é sinal de engate.
Um trocar de olhos diz-nos: “Que pateta!”
Abrir bem os olhos espanta qualquer um!
Fechar os olhos é não querer ver…
Tudo o que somos é desvendado num abrir e fechar de olhos,
quando quem nos olha quer realmente ver-nos!

Hoje, no 2º domingo do Tempo Comum, Maria, a Mãe atenta de cada um de nós,
olha para uma Festa de Casamento, para a alegria das Bodas, com amor infinito!
Atenta, Nossa Senhora vai ter com O Filho:
«Não têm vinho» Como quem diz: perderam a alegria
O Filho vivia um momento de descontração e de partilha com os seus amigos.
Afinal a Sua hora ainda não tinha chegado…
Mas, Maria não desvia o olhar do que é importante e aconselha:
«Fazei tudo o que Ele vos disser». e o Milagre aconteceu!

O Vinho bom da nossa vida será servido no melhor da Festa.
Que no nosso coração habite o aconchego da promessa divina, de que jamais seremos abandonados.
Que o nosso peito albergue os dons do Espírito Santo.
Que o anúncio das maravilhas do Senhor seja edificado pelos nossos gestos diários.

Senhor, Criador da Vida,
revelaste à humanidade o Teu amor.
Em Jesus, O Filho amado e obediente de Maria,
encontramos a alegria mais pura da Aliança do sangue.
Com o Teu Santo Espírito,
somos capazes de servir diariamente e com alegria a Igreja.
Ajuda-nos, Bom Deus, a abrirmos os nossos olhos.
Ilumina as nossas escolhas com a Disponibilidade de Maria, Nossa Mãe.
Transforma as nossas dores e anseios em sinais de Esperança e Fé.
Que a nossa vida seja um eterno Milagre.

Onde há Amor, nascem gestos!

 

 

PARTILHAR IMPRIMIR
Documentos para Download
Paróquia de Nossa Senhora da Lapa
Casa Paroquial
Morada

Rua padre Manuel Marques Silva, s/n
4490-582 Póvoa de Varzim

TEL

252624200

FAX

252620975

Cartório Paroquial

Cartório Paroquial - Horários

Segunda das 10h às 12h;

Sexta das 16h às 17.45h.

Confissões

Confissões

Visitas aos Doentes

Visitas aos Doentes 

 

Párocos